Faixa a Faixa: Vamoz! – “To The Gig On The Road”

Vamoz! - To The Gig On The Road (2003) - Independente

Faixa a Faixa
em 11/09/2003 por Marcelo Gomão (Vamoz!)

Faixa a Faixa: Vamoz! – To The Gig On The Road (2003) – Independente

Por Marcelo Gomão (vocalista e guitarrista da Vamoz!)

Neste faixa a faixa vou falar mais sobre o que levou essas músicas a serem compostas, e da minha visão das letras. Primeiro pelo fatos das letras serem em inglês, essa é uma forma das pessoas ficarem mais próximas do que é o disco “To the Gig on the Road” , e segundo porque acredito que as pessoas possam tirar suas próprias conclusões não somente sobre as letras, mais principalmente sobre o som da banda, que nosso maior objetivo. Vamoz! é uma banda e o som do disco foi feito pelos três integrantes, com uma grande ajuda dos produtores Leo D. e Willian P. Até mesmo, porque o som é ROCK, então nem tem muito do que falar, é mais ouvir e se divertir!!

01. Beside

“É uma música que escrevi em homenagem a minha ex-banda, o Supersoniques, e como uma espécie de boas vindas ao Vamoz! e aos meus amigos de banda. A letra só fala de música, amizade e dos sentimentos que envolvem uma banda. No saldo ela é bastante positiva em todos os sentidos.”

02. Heart of Gold

“Essa letra é uma grande homenagem ao Neil Young. Esse cara não só inspirou as músicas, mais a vontade de ter uma banda novamente, foi daí que surgiu a grande instigação da Vamoz! em ser uma realmente banda !!! Conhecer lugares e pessoas novas, e de todos os momentos e experiências boas e ruins que isso traz. Neil Yong pra mim, também é uma cara de um coração enorme, seu envolvimento com o “felling” que paira na atmosfera é incrível, se você escuta-lo de coração aberto, vai se identificar em muitas coisas. Eh,eh,eh a gente ficava escutando Neil Young durante o carnaval de 2003, tomando uns “jorus” e compondo, ROCK !!!”

03. Letter

“Essa música é muito especial. Ela nasceu de uma carta, escrita em português por uma amiga chamada Iara, em homenagem a uma pessoa que se não é irmão de sangue, é de alma, o Gordinho (Ex. baixista da banda Querosene Jacaré, que morreu com um tiro na cabeça durante um assalto na frente da casa da namorada). Essa carta foi parar nas mãos de Felipe Vieira (Vocal e guitarra do Badminton), que fez essa música no violão, gravou numa fita K7 e enviou pra Iara, como um presente e uma homenagem ao Gordinho. Finalmente essa fita veio parar em minhas mãos pelo Felipe Vieira, que me pediu que fizesse um arranjo “up” pra música. Acredito que cumpri a missão, e a homenagem ao meu eterno amigo, e parceiro de sons.”

04. Beatles com Chocolate

“Essa letra foi escrita numa viagem da pouRa !! Tava numa fase Beatles pra caramba, só escutava Beatles, e numa noite dessas, sonhei que acordava no meio da noite pra tomar um copo de leite na cozinha, e os Beatles estavam na minha cozinha, tomando leite !!!! Eh,eh,eh… não por acaso, George Harrison estava preparando seu copo de leite, e colocando uma porrada de colheres de chocolate em pó !! Daí em pensava: – “Cara, como George Harrison toma chocolate quente, caramba ….”. Um estrofe da música, foi escrita por Felipe Vieira, que em diversos momentos participa das composições do disco. Uns 05 dias após ter concluído a música, recebi a notícia de que George Harrison tinha ido dessa pra melhor, fica a homenagem.”

05. Fire Baby

“Essa era uma “jam” que a gente sempre fazia nos ensaios desde o início da Vamoz! Daí demos uma arrumada nela para incluí-la no “To the Gig on the Road”. Leo D (Produtor do disco) colocou uns teclados matadores na faixa !! O nome, é uma homenagem pras “baby’s” que dançam, se divertem e piram nos shows de rock. YEAH ROCK !!!!!”

06. Rock Me

“Foi a única música que escrevi especificamente pra uma garota. Não há muito o que falar dessa letra, prefiro chamar a atenção ao instrumental, que é um rock duro da pouRa !!”

07. Sweet Harmony

“Essa música foi escrita durante as gravações do disco. Rolou uma inspiração e um bom motivo pra ela nesse período, daí fiz num dia de semana a noite, acho que numa Quarta-feira dessas, babando no travesseiro de sono, eh,eh,eh !! No outro dia cheguei no estúdio com ela e gravamos. Os produtores Leo D e Willian deram uma força pra gente finalizar os arranjos, porque ela ainda era bem imatura. Acredito que encontramos uma boa maneira de toca-la ao vivo, numa versão com teclados, guitarra e bateria.”

08. Beside Infinite

“A letra é a mesma da primeira Beside, só que os arranjos foram 90% feitos pelo guitarrista Henrique, que deu um molho Neil Yong com Beatles que ficou muito bom !! ROCK duro com emoção, eh,eh,eh,….”

Vamoz!

Links:
» Vamoz no RecifeRock

——–

Posted quinta-feira, setembro 11th, 2003 under Discos.

Comments are closed.