Projétil Mostra Seu Som no Recifobia

Projétil

em 23/10/2004 por Hugo Montarroyos

Fruto da novíssima cena rock de Pernambuco (apesar de contar com músicos experientes em sua formação), o Projétil é uma banda ousada, que mistura em seu som elementos eletrônicos com black music, rock, hip hop e blues. Abaixo você confere a entrevista que fiz por e-mail com Sérgio Sombra, baterista (a banda possuí dois!) do Projétil, que contou, entre outras coisas, como será o show do grupo hoje no Recifobia.

Projétil é uma banda nova, formada em 2004. Explica qual é a proposta do grupo.

A proposta vem de várias vertentes, que vai do rock, passa pelo eletrônico e chega ao som negro (Black music, hiphop, blues…). Não que seja novidade misturar toda essas coisas em um caldeirão só, mas a idéia da música em si é isso, uma mistura que possa soar diferente a cada batida, a cada show, que não perca a sintonia com o público ou de quem gosta de curtir um bom som, e sim conquistar novos espaços, que é própria definição da musica universal, ou melhor dizendo, Wold Music.

Como vocês chegaram na atual formação ?

Temos um estúdio há mais de 4 anos, um local onde tudo acontece. Já tínhamos amizades e num desses encontros de se falar em sons novos, resolvemos começar a brincadeira, num tipo projeto musical, terminou rolando um som experimental, que se tornou a idéia do Projétil. Como músicos, já estamos há mais de oito anos na estrada, cada um do grupo já teve uma experiência. Silvio (Dj Zulú), já tocou em bandas de mangue e metal; Coutinho , baixo, ainda hoje toca na NOB, banda de trash metal; Alex, batera, tocou em bandas de hardcore e new metal; Edson, Guitarra, em bandas de metal e rock progressivo; Xandinho, vocal; Eu, Sérgio, na batera percurssiva, tendo tocado no Lamento Negro, Facção Zulú, Gerimum entre outras, fora tocar em Maracatu e fazendo excursões pela Europa. Outro ponto pra banda foi o antigo “Caverna do Sombra”, há uns cinco anos atrás, onde tinha shows de quinta a domingo com bandas como os Cachorros, Insurrection Down, Serpente Negra, entre outros…

Como será o show no Recifobia ?

O show do Recifobia tá sendo feito com carinho, estamos com algumas cartas na manga pra apostar alto. Como eu disse antes, cada show é um show, deve sempre existir a possibilidade de inovar, sem perder a direção, vamos esperar…

Onde pode ser encontrado o CD-demo da Projétil ?

O CD tá à venda em Recife na Disco de Ouro e com a Banda nos locais de Shows. Nosso produtor, Maurício Guenes, tá terminando o site pra ser vendido também nele, ou o caminho mais curto (delivery), liga que levamos até você (3257.4941 / 9102.1164 / 8806.8849)!

É isso! Se quiser acrescentar algo, o espaço é seu.

Estamos trabalhando muito, até o final do ano estamos com uma agenda boa, não só de música mas com filhos, público, amigos e família, pois estes sim é que seguram nossas ondas todos os dias. A divulgação maior do trabalho da banda só está dependendo de pequenos detalhes, esperando a hora certa de agir, pra podermos crescer junto com essa nova leva de bandas que estão levando não só o nome de de Pernambuco, mas com a idéia de uma melhor valorização do Rock do Nordeste. Fiquem espertos, tem Recifobia, tem Recife Rock, Galpão do Rock, Pátio de São Pedro, Barra Mundo, Coquetel Molotov, Moeda… Abram os olhos, Pernambuco e o Nordeste têm muito a ser descoberto!

Serviço:

Recifobia 2004 (Terceiro dia)


Sábado (23/10/2004) 18h

Local: Rua da Guia (Recife Antigo)

Preço: grátis – Info: n/d

Mennarca, Peyotl, Ópio, Andrômeda, Masterdomme, Medonhos, Compulsivo HC, Projétil, Sociedade HC, Morbital Disaster e Pandora

——–

Posted sábado, outubro 23rd, 2004 under Notícias.

Comments are closed.