Palco Pernambuco 3

CLIQUE AQUI para abrir a janela pop-up com as fotos do show
PALCO PERNAMBUCO 3
data: 19/05/2005 (Quinta) – local: Ancoradouro
com Mombojó, Lenine e os convidados Arnaldo Antunes (SP) e Gabriel, O Pensador (RJ)
Resenha por Bruno Arrais – Fotos por Guilherme Moura

Palco Pernabuco, festa de despedida do Ancoradouro…
em 19/05/2005 por Bruno Arrais

A terceira edição do Palco Pernambuco extrapolou as fronteiras do estado, indo até Rio de Janeiro e São Paulo. A sede da farra foi o Ancoradouro, por sinal este foi o último show do espaço que será demolido e dará lugar a duas torres de edifícios. A grande atração da noite foi o cantor e compositor Lenine, que contou com as participações especiais (as participações são grande lance do evento, mas que aqui no Recife deixou a desejar) de Lula Queiroga, Gabriel, O Pensador, e Arnaldo Antunes. A apresentação de abertura ficou a cargo do Mombojó.

Abrindo a noite, o Mombojó subiu ao palco aproximadamente às 22h30. Os rapazes fizeram uma apresentação excelente. O set-list incluiu várias canções do álbum Nada de Novo, outras antigas que ficaram de fora do CD e várias músicas novas, que devem entrar para o próximo disco – ainda em fase de pré-produção -, além do cover do Ronnie Von.

Show do Mombojó é sempre uma grande festa e esse não foi diferente. Terminou às 23h30, com a banda ovacionada pela platéia. Apesar da chuva e do frio, o Ancoradouro estava lotado e todo mundo se empolgou com o som dos caras, inclusive o pessoal que não conhecia – teve gente que me abordou para perguntar o nome da banda e de onde eram, e elogiaram bastante. Os grandes destaques da apresentação foram as músicas novas, algumas ainda sem títulos definidos. São realmente ótimas. O disco novo promete.

No intervalo entre as duas apresentações desabou um enorme pé d´água e, devido a uma goteira sobre o palco, a produção teve que segurar o show do Lenine. Mais uma vez o Ancoradouro deixa a desejar; no domingo o show do Eddie no Olinda Stereo foi interrompido devido à chuva. Quatro dias depois o palco continuava com o mesmo problema. Foi uma despedida melancólica para o espaço e apesar de toda chuva, felizmente, não aconteceu nenhum acidente. A chuva diminuiu e às 00h40 começou o show de Lenine – com mais de uma hora de atraso.

O público estava bastante apreensivo com a demora, mas foi só Lenine subir ao palco que todos se renderam. Ele realmente tem muito carisma; não há como não se render. Este show fez parte da tour de divulgação dos recém-lançados CD e DVD ao vivo, ‘Lenine In Cité’; coletânea de sucessos da carreira dele. Assim como no CD/DVD, Lenine desfilou alguns de seus maiores sucessos no Palco Pernambuco, botando todo o público para cantar e dançar, sem parar. Destaques para ‘Alzira’, ‘Paciência’, ‘Olho de Peixe’ e ‘Relampiano’ cantadas por todos.

Foi uma ótima apresentação, excetuando-se as participações especiais. Lula Queiroga não canta um verso que seja; fica apenas cantarolando onomatopéias e sílabas soltas. Todo o meu respeito a Lula Queiroga, mas suas participações são realmente dispensáveis. Já a participação de Gabriel, suposto pensador, foi irritante. “2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, tá na hora de molhar o biscoito”? Lamentável. Arnaldo Antunes fez uma participação apática com suas músicas cabeça.

As participações especiais foram o ponto fraco da noite. Ainda bem que cada um dos convidados só cantou duas músicas e mais outra no fim da apresentação com todos no palco. no mais foi uma noite bastante agradável, apesar dos contratempos. Agora a dúvida que fica é ‘sem o Ancoradouro, onde vão rolar os festivais e shows de médio porte ?’. Sugestões ?

CLIQUE AQUI para abrir a janela pop-up com as fotos do show

Links:
» Mombojó no RecifeRock
» Lenine no RecifeRock

——–

Posted segunda-feira, maio 30th, 2005 under Coberturas.

Comments are closed.