Roger do Renor no Abril pro Rock

O agitador cultural (me foge definição melhor) Roger de Renor cobrirá o Abril pro Rock 2007 ao vivo em seu site. Para conferir a cobertura, basta acessar www.rogerderenor.com.br

Posted segunda-feira, abril 9th, 2007 under Notícias.

15 comments

  1. clarissa morais says:

    massa!!!! prepare-se para a greia…
    o bom é q roger fala msm…

  2. na verdade, é o que todo mundo diz dele, não é? agitador cultural… mas o que significa isso mesmo? :P

  3. Sofia Egito says:

    Significa que ele curte dar força às expressões culturais da cidade e se vira como pode para fazê-lo, apesar de não ter uma banda ou um lugar (como antes, a Soparia) ou um outro motivo óbvio.

  4. Bira Araújo says:

    Eu nem sabia que Roger tinha site, mas ao tentar entrar nesse que está na matéria, nao foi parar em nenhyn site dele, e agora?

  5. juarez Juara says:

    Agora como vai ser isso?
    eaheaheha

  6. e o programa de tv?

  7. e se eu fosse vc ?! says:

    grande porcaria! ele vai procura alfai, pandeiro ou cordel… contudo, é até bom você ter essas comedia(palhaçada) nesses eventos sabe porquê? tem uma teoria de “maria vai com as outras” nessa conversa. ou então ele vai fazer que nem miranda saca! AHAHAHAHAH..

    mas deixa pra lá … só assim agente toma juizo e ver que esse “pessoal” anda em circulos e paga pau dos outros.
    é uma pena! mais não se preocupe roger de “noir” pode levar seus parentes(irmã) para colocar um fetival só com alfaias e tambores e tu gritando ” È muito massa!!!” que tal esse nome: Festival de Mangue do Recife ou Abril Pro Mangue.

    não estou querendo dizer que só tem coisa ruim e que utilizar alfaias e tambores é uma porcaria.
    Só estou dizendo que aceitar ou fazer comentarios de bandas onde o principal objetivo do festival é destacar as bandas locais e nacionais é um peso muito grande para ele. assim sendo não é só na experiencia de balcão de sopa e de apresentador que conta você tem que entender de musica, certo!
    um abraço para Roger :*****

  8. comentando a cagada de”se eu fosse você” zé mané se tocava e ia pra casa do caralho, tu tem um discurso preconceituoso, deve ser um tremendo nazista desinformado, tu é de onde mesmo? Um dia essa inveja te leva pra comer jambo em Amaro do bocão otario!

  9. "e se eu fosse você" says:

    Como assim ?!”Nazista! meu deus! como eu posso ser nazista se estamos no país de miscigenação de raça. Vai com calma amigo! use outro termo.;)
    Eu não fiz nada mais, nada menos que comentário. Agora se você acha que Roger tem capacidade de dizer quem é bom e o que é ruim você com certeza é Maria vai com as outras,certo !
    Como eu disse não tenho raiva de quem toca alfaias só não “gosto” de pessoas( não melhor assim.) não acho legal uma pessoa sem ter uma funcionalidade de produtor de bandas fazer comentários, entende?!

    Caro amigo obrigado por ter lido o que eu escrevi!

    Eu adoro critica! Assim como esse site. rsrsrsrsrsrsrsrsrs ;)))))))

    Hugo Montarroyos te amo bolinha!
    beijo no popozão!

  10. Essa é pra tu zé mané, “se eu fosse voce” ia chupar prego, ou ia pro texas, lá não tem o trovão da alfaia, não tem batuque do pandeiro a poesia co cordel, nem o axé dos orixás, tem um monte de nazi feito tu. Tu que mesmo é pegar carona em quem tem personalidade e faz um bem enorme as pessoas pensantes que vivem nessa cidade. Eu e um mundo de gente boa vamos é claro com as maravilhosas Marias e as outras sempre.
    Agora se tu quer pegar carona no pau dos outros, se tu quer aparecer sobe na atena da tv jornal e pula em cima de um pau de sebo. TU É MESMO UM NAZISTA ZÉ MANÉ DO CARALHO, OTARIO! .
    TEU OLHO GRANDE PRA NÓS É CEGO ALMA SEBOSA,E VAI DAR BEIJO NO TEU MACHO.

  11. "e se eu fossse vc" ! says:

    niltinho meu querido vou definir para você oque é “NAZISTA”-Nazismo

    Após a Primeira Guerra Mundial, a Alemanha foi palco de uma revolução democrática que se instaurou no país. A primeira grande dificuldade da jovem república foi ter que assinar, em 1919, o Tratado de Versalhes que, impunha pesadas obrigações à Alemanha.

    À medida que os conflitos sociais foram se intensificando, surgiram no cenário político alemão partidos ultranacionalistas, radicalmente contrários ao socialismo. Curiosamente, um desses partidos chamava-se Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães (Partido Nazista) e era liderado por um ex-cabo de nome Adolf Hitler. As eleições presidenciais de 1925 foram vencidas pelo velho Von Hindenburg que, com a ajuda do capital estrangeiro, especialmente norte-americano, conseguiu com que a economia do país voltasse a crescer lentamente. Esse crescimento, porém, perdurou somente até 1929.

    Foi quando a crise econômica atingiu com tal força a Alemanha, que, em 1932, já havia no país mais de 6 milhões de desempregados. Nesse contexto de crise, os milhões de desempregados, bem como muitos integrantes dos grupos dominantes, passaram a acreditar nas promessas de Hitler de transformar a Alemanha num país rico e poderoso. Assim, nas eleições parlamentares de 1932, o Partido Nazista conseguiu obter 38% dos votos (230 deputados), mais do que qualquer outro partido.

    Valendo-se disso, os nazistas passaram a pressionar o presidente e este concedeu a Hitler o cargo de chanceler (chefe do governo). No poder, Hitler conseguiu rapidamente que o Parlamento aprovasse uma lei que lhe permitia governar sem dar satisfação de seus atos a ninguém. Em seguida, com base nessa lei, ordenou a dissolução de todos os partidos, com exceção do Partido Nazista. Em agosto de 1934, morreu Hindenburg e Hitler passou a ser o presidente da Alemanha, com o título de Führer (guia, condutor).

    Fortalecido, o Führer lançou mão de uma propaganda sedutora e de violência policial para implantar a mais cruel ditadura que a humanidade já conhecera. A propaganda era dirigida por Joseph Goebbles, doutor em Humanidades e responsável pelo Ministério da Educação do Povo e da Propaganda. Esse órgão era encarregado de manter um rígido controle sobre os meios de comunicação, escolas e universidades e de produzir discursos, hinos, símbolos, saudações e palavras de ordem nazista. Já a violência policial esteve sob o comando de Heinrich Himmler, um racista extremado que se utilizava da SS (tropas de elite), das SA (tropas de choque) e da Gestapo (polícia secreta de Estado) para prender, torturar e eliminar os inimigos do nazismo.

    viu ! querido, agora que vc sabe oque é. você pode charmar sua tropa de elite para impor uma lei,certo!
    A CHAMADA “MARIA VAI COM AS OUTRAS” AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!!!!!
    te adoro garoto mas não é assim que resolve as coisas tem que ter base teórica !
    assim gosto e muito de mangue tá!;)

    um abração para você NILTINHO(bolinho fofinho)

  12. Oi nazi culto, eles tambem detestam judeus, negros e alfais…agora chega de alugar esse espaço com futilidades, ninguem merece, continua estudando historia que é mais saudavel.
    adios cabrone

  13. e Roger nem gosta de ser chamado de “agitador cultural”…

  14. foda-se Niltinho de Renoir says:

    tome no cu seu Niltinho de renoir de bosta, puxa saco de Roge! Nazista é voce que não admite uma critica. Todo mundo sabe que Roge só cobre evento do interesse dele, é um baba ovo de político e que adora grana. Como ele não agrada a classe média faz demagogia com os mais humildes e desesperados. Roge é um vigarista a mais nesse imbróglio político. Foda-se Roge e seu clone da net Niltinho!Roge é Niltinho, Canibal, é Fabio Trummer, Ortinho e um monte de babacas perdedores!

  15. “Todo mundo sabe que Roge só cobre evento do interesse dele, é um baba ovo de político e que adora grana”

    kkkkkkkkkkkkkkkkk essa foi a melhor!! vc não tem a minima informação pra falar disso! fica julgando os outros baseado no próprio nariz! ve se conhece melhor as coisas pra poder julgar meu filho! se liga!