Entrevista: Nassau Rock Show

O Teatro Maurício de Nassau reabriu as portas!

Pra quem não lembra, ele foi um espaço bastante popular e importante pro cenário musical da cidade. Todo final de semana tinha algum show acontecendo por lá. E várias bandas legais já passaram por aquele palco, inclusive nomes como Nervoso e Os Calmantes, Rádio de Outono, Superoutro, Mellotrons, Porão GB, entre muitas outras.

Entrevistei por e-mail o pessoal responsável pela reabertura, que é a equipe do Nassau Rock Show. Confira abaixo:

O que é Nassau Rock Show? Quem faz parte desta iniciativa?
O projeto NASSAU ROCK SHOW é comandado por Marcos Schulze e Thiago Filipe e tem como proposta principal a realização de shows de rock com qualidade, dando oportunidade às bandas locais, ou não, para mostrarem os seus trabalhos ao grande público, fortalecendo assim a cena local do rock underground.

Nossa preocupação com a qualidade dos eventos não reside apenas na escolha das bandas participantes, mas sim com toda a estrutura pertinente, ou seja, fornecemos uma boa estrutura de palco, luzes e uma ótima aparelhagem de som, que somado à excelente acústica do teatro conseguimos um resultado bem satisfatório aos ouvidos presentes.

As bandas contam com camarim e acesso diferenciado do público. O palco possui cortina que encobre a troca de bandas, dando privacidade aos artistas e equipe nesse momento.

Os eventos não são longos e cansativos (se apresentam no máximo cinco bandas!) e procuramos evitar ao máximo os atrasos tão comuns em shows de rock, até porque temos horário estipulado pelo teatro para o início e término das apresentações, que vai das 15 às 21hs, sempre aos sábados.

O Teatro Maurício de Nassau já foi um espaço bastante importante pra cena musical da cidade, mas nos últimos anos estava fechado, esquecido. De onde surgiu essa idéia de reabri-lo?
Recife está carente de bons locais para shows de rock, principalmente para os eventos de pequeno/médio porte. Todo mundo reclama, tanto as bandas quanto o público, e nós já vínhamos “namorando” o teatro há algum tempo, achando que ali seria uma ótima opção, tanto pela sua arquitetura, localização e estrutura quanto pelo seu valor histórico na cena musical. Mas o grande empecilho eram as poltronas, que na última reforma foram fixadas no piso, então elaboramos um projeto, batizamos de NASSAU ROCK SHOW, entramos em contato com a direção do teatro e fechamos uma parceria bem interessante, onde uma das nossas obrigações contratuais é a retirada e recolocação das poltronas a cada evento, o que nos dá muito trabalho, mas é gratificante. Com isso o público pode dançar, pular e rodar à vontade, num espaço climatizado.

E quem tem banda e tá afim de tocar no teatro, como faz? Qualquer tipo de banda pode tocar lá?
Sim, qualquer banda pode tocar no NASSAU ROCK SHOW, inclusive temos a preocupação de não realizar eventos com atrações repetitivas, justamente para darmos oportunidade ao maior número de bandas possível e de diferentes estilos.

Normalmente a grade de bandas participantes é decorrente da definição prévia da “atração principal”, para que o evento seja harmonioso, ou propositalmente variado, depende. Mas em geral procuramos atrações que estejam fazendo algum tipo de lançamento no momento. No primeiro evento, que aconteceu no dia 04/07, lançamos o projeto LucsMIX, que realizou um excelente e inovador show, surpreendendo e contagiando o público presente.

As bandas que se interessarem em participar de nossa seleção para futuros eventos podem enviar release, fotos e links de músicas e vídeos para nosso e-mail (nassau.rock.show@gmail.com), teremos o maior prazer em recebê-los para avaliação.

Quais são os próximos shows e projetos da Nassau Rock Show?
Faremos dois eventos a cada mês. O segundo do mês de julho será no próximo dia 18, sábado às 15hs, e será o lançamento do EP intitulado “O Início” da excelente banda Martinez, e teremos também a banda paulista LAB, e o som criativo e incomum das locais Civaia, Team.Radio e Underwears. Os ingressos antecipados custam R$10,00 e podem ser adquiridos nas lojas Disco de Ouro e Bob Nick (shopping Recife), ou no incrível Disk-ingresso (8742-0811, falar com Thiago), onde você recebe seu ingresso no local que for combinado sem custo adicional. No dia 18, na bilheteria do teatro, o ingresso custará R$12,00.

Para o mês de agosto provavelmente a primeira data vai ser logo no dia primeiro, e as bandas ainda não estão todas fechadas…

Esse espaço é pra vocês acrescentarem o que quiser!
Bom, pra finalizar, gostaríamos de agradecer a direção do Teatro Maurício de Nassau por todo apoio e incentivo e a todos que direta ou indiretamente fazem parte do projeto NASSAU ROCK SHOW.

Para quem quiser ficar por dentro da programação e das novidades, basta acessar o site clicando aqui.

Posted terça-feira, julho 14th, 2009 under Destaques, Notícias.

16 comments

  1. Quem sabe esse pico ai fique igual ao que era o dokas ne, tipo um ponto de encontro nos shows.

    Depende da galera tbm ne, boas atrações, e que o publico compareça pra se divertir e curtir um bom rock’n and roll.

  2. Galera,

    Sobe deste evento ha alguns dias atras e achei massa a iniciativa, mas fiquei preocupado, pois sobe que as bandas são obrigadas a vender ingressos para poder tocar e se não vender eles teraõ que arcar com isso, isto é verdade?

    Pu. q pa.. já não basta a galera tocar de graça, dilvugar o evento e ainda tem que arcar ou correr atras do publico para vender ingresso, não é demais não? Isto deveria ser de responsabilidade dos organizadores do evento e não das bandas. Ainda sobe que existe um contrato com clausulas absurdas.

    Cuidado bandas, antes de assinar qualquer coisa, pois existe muita gente hoje em dia querendo tirar proveito.

  3. Pode até ser normal, mas é, no mínimo, estranho…

    uma coisa é uma organização entre as bandas arcando as despesas.. o bom e velho DIY, outra coisa é fazer o evento, cobrar algo das bandas e ainda ter lucro.

  4. Muito bom a iniciativa de reabrir o espaço do Nassau…resta agora só ver se as bandas serão realmente aptas a tocar lá, ou se só terá panelinhas.

  5. NassauRockShow says:

    Segue abaixo alguns depoimentos das bandas que tocaram no primeiro evento NassauRockShow, dia 04/07. Não nos parece que eles tenham se sentido explorados ou que não foram tratados com extremo profissionalismo e respeito…

    bandadigaragem disse em 05/07/09 15:44

    Muito show!

    Parabéns pela organização do Evento!
    Parabéns a todas as bandas e ao pessoal que foi a nós todos, prestigiar!
    A gente que agradece o espaço gente!
    Vcs são show!

    Abração e até a próxima!

    Daniel Farias disse em 06/07/09 10:35

    Alô Marcos e Thiago, estou em nome da banda Hurt agradecendo o espaço e a oportunidade de grande importância que vocês deram pra banda, valeu por tudo, a organização foi foda! (bem diferente ao que estamos habituados a ver em alguns festivais locais). PARABENS!!!

    Abraço velho!

    Daniel Farias.

    lucsmix disse em 08/07/09 11:58

    muito obrigado por toda estrutura!
    eu que agradeço!

    DEMAISSS!

    nextt disse em 11/07/09 09:24

    Pooo, dá muita saudade mesmo!
    Foi muito lindo e bem organizado.
    Só tenho a agradecer pelo momento que vocês nos proporcionaram!
    Brigadãão!

    Abraços

    – Rafinha (:

  6. O lugar é bacana, a organização também é super legal. A cena underground recifense estava precisando disso: Bons organizadores, pois todo mundo se diz produtor. Torço muito pra que continue sendo um local bacana e que o evento cresça cada dia mais.

    Abraços!

    Miguelito.

  7. Foi legal sim, bem organizado, começou na hora e o som estava ótimo. Três coisas: primeiro, concordo com gordak aí. Organizadores devem ser ousados e arcar com o lucro ou o prejuízo, afinal quem faz o show são as bandas e não ele.
    Segundo, essa merda de lugar não se pode beber cerveja. Grande merda, espaço bom mas eu sou obrigado a sair pra beber uma cerveja, não volto mais.
    Terceiro, o horário foi uma merda. 16h da tarde? Pelo amor de Deus…

    No mais, parabéns.

  8. quanto mais espaço pra bandas melhor velho!!!! saquei um show lá uma vez e achei massinha o local!

  9. “Segue abaixo alguns depoimentos das bandas que tocaram no primeiro evento NassauRockShow, dia 04/07. Não nos parece que eles tenham se sentido explorados ou que não foram tratados com extremo profissionalismo e respeito…”

    Bicho, é o seguinte: Nenhuma dessas bandas sentem-se exploradas, pois eles são normalmente bancadas pelos pais.

    Outra coisa, quanto a organização, claro que deve ser bem feita e estruturada, óbvio.

    Mas continuo achando que “pagar” pra produtor pra tocar em eventos é uma grande furada.

    Porém, de qualquer forma, parabenizo aos organizadores, produtores, bandas e etc pelo evento.

  10. Só fiquei sentindo falta realmente da cerveja, que creio eu, deve ser alguma norma contratual. Acho que merece ser revista. :(

  11. Sem cerveja é foda! Evento evangélico é? hehehehe

  12. “Bicho, é o seguinte: Nenhuma dessas bandas sentem-se exploradas, pois eles são normalmente bancadas pelos pais.”

    Mano, se meu Pai bancasse 300 conto, eu tava feito da viida!

    Eu acho o seguinte:
    De fato, a princípio pagar pra produtor soa como uma grande furada sim, até porque existem muitos por aí que não valem o chão que pisam.
    No entanto, se cada banda se juntasse e produzisse seu próprio show, teriam que arcar os mesmos custos, se brincar até mais! Sem contar que iam ter que vender da mesma forma.
    Também sou contra pagar pra produtor, mais para mim o diferencial que me fez valer a pena vender esses ingressos, realmente foi a boa estrutura oferecida. Que não é qualquer lugar por aqui que tem.

    Além do mais, não tinham apenas 30 pessoas no show do CIVAIA. A gente acabou saindo no lucro, porque pagamos 30 pessoas e recebemos um público maior.

    é isso, tem muita gente que fala sem saber direito o que diz.
    Atenção, atenção.

  13. Pessoal,

    Esse modelo de venda de ingressos pra garantir público foi muito adotado aqui no anos 90/00, até que a galera começou a ver que precisamos de outras formas pra ”cena” funcionar.
    Como foi dito antes, as bandas já estão se disponibilizando a tocar sem receber (o que não acho nada demais tratando-se de bandas novissimas), mas ter que vender 30 ingressos soa muito comodo para a produção.
    A organização tem que trabalhar formas de divulgação ou de gestão de custos internas para que não seja necessário tal fato. Já pensou se vira moda? E se der lucro? ele é redividido entre as bandas participantes?
    Quais os custos do projeto? ele está em código livre pra que todos possam ver? Se sim, porque não tentar alternativas para esses custos de forma que as bandas não precisem sair na rua vendendo ingressos, o que é bem constrangedor.

  14. desfibrilador em alerta na sala da cena!!!

    Expectativa infinda nesse antigo novo espaço para os inquietos musicos de Recife, já que é reticente a exidtência dos grupos; só os contidos nesses tocam…!!!

  15. Olha lá uma banda massa ! q saquei..via link me mandaram..!..

    http://www.myspace.com/chaoceu

    diferente.. . boas letras meio urbano…! sutil estigado

    um pouco de cada coisa…!

    Gostaria de ver esse som ai ao vivo..!.

  16. Queria sugerir a galera do site para incluir uma área de fóruns por aqui. Serviria tanto para anúncios para gente que esteja afim de formar bandas aqui na região, aumentando e diversificando a cena músical da cidade, e para discutir sobre bandas em geral.

    Eu particulamente estou afim de formar uma banda com um som bem urbano com influências pós-punk, britpop, new wave (the smiths, stone roses, new order, depeche mode, etc). Tenho 24 anos canto e toco guitarra. Quem tiver afim entrar em contato: ianbrownrecife@gmail.com.

    aewsss