Tapa na Orelha – Ainda o PE no Rock…

Por Hugo Montarroyos em 27 de outubro de 2007

O assunto PE no Rock anda rendendo mais do que deveria, mas acho que algumas coisas ainda podem e devem ser esclarecidas.

Rodrigo Baltar, competente produtor do festival até 2004, entrou em contato com o Reciferock!, pois acha injusta algumas críticas feitas ao PE no Rock em sua gestão.
Na verdade, durante a gestão de Baltar, eu só tinha duas “queixas” em relação ao festival: a pontualidade britânica (podia só ter cinco pessoas no local, mas ainda assim o evento começava no horário marcado); e o fato de Os Cachorros sempre estarem na grade. Fora isso, eu era o primeiro fã do PE. Cogitei até a possibilidade de escrever um livro sobre ele.

Bem, agora vou apelar um pouco para a “metalinguagem”: o que me motivou a escrever o artigo “O PE no Rock já mudou a vida de alguém?” foi o rebuliço que o retorno do festival provocou entre as bandas de Pernambuco. O que é normal, já que era um espaço fechado para elas desde 2004. Só que as coisas começaram a desandar…

Recebíamos e-mails da atual produção do PE no Rock falando das bandas que já estariam fechadas com o evento. Imediatamente, as próprias bandas me informavam que não tinha nada acertado ainda. Começava daí a minha desconfiança.

Depois, o festival anunciou uma seletiva por todo o Estado de Pernambuco. Achei excelente a iniciativa, pois não temos muito acesso ao que acontece no interior, por mais próximo que ele seja. O exemplo mais recente disso é a excelente Diz a Lenda, de Carpina, que eu sequer desconfiava da existência. Não que ela tenha algo a ver com o PE no Rock. É apenas um exemplo de banda próxima que eu não conhecia apenas pelo fato de ser do interior…

Quando chegou a vez de anunciar as classificadas para as seletivas do Recife, a bomba: The Playboys, Subversivos e Pressão Sangüínea estavam entre as selecionadas. O regulamento, em sua única regra, era claro: era proibida a participação de bandas que já tinham tocado em festivais do porte do PE no Rock ou que tivessem discos lançados por grandes selos. Só o The Playboys se recusou a participar, alegando que nem se inscrevera para tal evento.

E as pisadas de bola continuaram. Uma das atrações já confirmadas no PE no Rock 2007 é Andrea Amorim, que vem a ser a esposa do atual produtor do PE no Rock. Assim não dá para levar a sério…

O que Rodrigo Baltar reivindica é mais do que justo. Em sua época, o festival era mais organizado e honesto. Teve shows históricos de Cólera e Pavilhão 9. Mas continuo batendo na mesma tecla. Por mais que na época de Baltar a coisa fosse bem mais lícita, o festival por si só não mudava a vida de ninguém. E a culpa não é/era do festival. As bandas entravam nele achando que suas carreiras decolariam a partir dali, e isso não acontece mais com ninguém.

Que fique claro: na gestão Baltar (1998-2004), com erros e acertos, a coisa era bem mais transparente e organizada. Com a atual produção, no entanto, nem o mais absurdo dos absurdos irá me surpreender mais. Uma pena, pois de qualquer forma é o nome PE no Rock que ficará manchado na história, independente de quem o produza. 
   

27 Comments

  1. Neinha
    Posted 27 de outubro de 2007 at 11h13 | Permalink

    Quanta baboseira em hugo ? será que vc não se cansa de falar mal do PE no Rock? Se vc prestar atenção as regras no Site está assim : ” SUJEITO A ALTERAÇÕES”. Não sei como vc ainda escreveu aquele tópido dizendo que estava arrependido de ser tão crítico e sarcástico. Vc nunca vai mudar e nunca vai sair de ser escritor dessa home page aqui Sabe porque ? Suas críticas não são construtivas e vc gosta mesmo é de colocar as pessoas para baixo. E ninguém nunca terá admiração por alguém assim como vc. O PE no Rock vai te surpreender.. aguardem! Aqui em Pernambuco tem artistas com muito talento que não tem apoio e aqui nem existe uma gravadora e eles tem que se virar sozinhos. Temos que engrandecer o nosso estado e os nossos projetos!

  2. Cidadão do Recife
    Posted 27 de outubro de 2007 at 11h40 | Permalink

    Imagine se você, que defende tanto a licitez do Pe no Rock, se inscrevesse num concurso público.Imagine agora que você foi aprovada neste mesmo concurso e que depois, sem mais explicações, as regras previamente divulgadas poderiam estar sujeitas à alterações. Imagine por fim, que estas mudanças influenciariam a colocação dos candidatos e que você, antes classificada, agora estaria de fora da seleção final.

    O exemplo acima é apenas ilustrativo, mas reflete o que acontece quando regras são criadas e, ao longo do tempo, sistematicamente modificadas sem explicação convincente. Os únicos que tem a perder com isso são os inscritos nas tais seletivas e o próprio público, que passa a não mais acreditar na seriedade desse evento em perticular.

    É o começo do fim…

  3. Dr. Verde
    Posted 27 de outubro de 2007 at 11h58 | Permalink

    Po, independente de quem (bandas) está na programação no PE no Rock…vamo acabar com essa discursão que não leva a nada. As bandas que estão no festival estão representando a cena de PE…tem muitas bandas q estão na grade que mereciam há algum tempo esse espaço, então vamo respeitar.
    Sempre no site do PE houve essa frase: “Programação Sujeita a Alteraçoes”, mesmo se houve vacilo…po peraê, fazer Rock em Pernambuco é foda…apoio aqui é dificil…fica dificil um festival de grande porte ser 100% perfeito…exceção do Abril PRo Rock que tem 1000 apoios né!!
    Vamo torcer Pelo PE no Rock …é o nosso festival e ponto!!!

  4. richard
    Posted 27 de outubro de 2007 at 16h19 | Permalink

    é
    mas ten umas bandas roxedera nessa grade q entraram q vale a pena e outras q não
    tou afim de ver al qaeda, nark, kbssa..essas nova aew
    o site devia por algo pra nós conhecer umas mp3
    pq so vi na seletiva
    aews

  5. Posted 28 de outubro de 2007 at 8h55 | Permalink

    Quem não tem maturidade (moral e intelectual) pra receber um crítica geralmente não gosta do que Hugo escreve…

    É lamentável ver que ainda tem um monte de gente que acredita que festivais desse tipo trazem fama e fortuna para os artistas e/ou bandas que deles participam.

    Mais triste ainda é ver que não falta quem venda sua dignidade para comprar um “lugarzinho ao sol”. Apegam-se com tanta força a uma “solução mágica”, que chegam a legislar em causa própria, modificando valores e princípios de acordo com a sua conveniência.

    Quem quiser que acredite no PE no Rock, e em outros festivais similares… Eu prefiro acreditar no trabalho duro e diário daqueles que sabem que sua música vale muito mais do que qualquer tipo de favorecimento duvidoso.

    “Nosso suor sagrado é bem mais belo que esse sangue amargo” – Renato Russo.

  6. Posted 28 de outubro de 2007 at 10h41 | Permalink

    Esse festival representa o gosto do produtor, isso é um fato! é hipocrisia ele continuar falando em representar o rock pernambucano… o cara tem 40 anos… , é muito fácil para ele iludir adolescentes …, é lamentável mas real…e nada do que é humano pode mais nos causar surpresa, acredito que o tempo e a força de quem realmente acredita na honestidade, consertará e resgará essa infeliz página da história do rock pernambucano!!!

    ainda assim a banda NARK é bem legal. mas se perde diante de tanta confusão!

  7. fernando
    Posted 28 de outubro de 2007 at 10h44 | Permalink

    parabéns a hugo pela atitude em mostrar a desonestidade e oportunismo do atual produtor do PE no Rock.
    se bem que por não ser mais o baltar que organiza o festival, por que ele deixou que sávio continuasse fazendo o evento manchando assim o nome do evento? melhor que mudasse de nome.
    isso tá uma palhaçada das grandes e vai se revelar o fiasco do ano.

  8. mercia
    Posted 28 de outubro de 2007 at 11h04 | Permalink

    Até qdo tu vc vai falar mal do pe no rock ein hugo? oxe, tah ficando feio, menino feio!rsrs

  9. Cidadão do Recife
    Posted 28 de outubro de 2007 at 11h18 | Permalink

    Feio é o Pe no Rock…mas tem gosto pra tudo.

  10. Dr. Verde
    Posted 28 de outubro de 2007 at 13h29 | Permalink

    Lastimável que no mundo da música não se aplaude a luta dos parceiros de banda…cada um que critica desabafa, so porque sua banda não está na programação. Em vez de valorizar as bandas que o representa na sua mesma luta, e torcer pelo sucesso das bandas e do festival…é uma pena!

  11. Dr. Verde
    Posted 28 de outubro de 2007 at 13h32 | Permalink

    Não é porque foi desorganizado as seletivas que vamos desclassificar as bandas que estão na programação do PE no Rock, são bandas que tem qualidade e podem fazer shows memoráveis.

  12. Sophia Alves
    Posted 28 de outubro de 2007 at 20h11 | Permalink

    Eu acho que um Festival não é um concurso público de forma alguma, não tem nada a ver assim as bandas analizadas teriam que ter os melhores músicos e músicas. Sávio Errou qnd colocou certos critérios que dariam mais oportunidade a bandas iniciantes. Mas tipo, ele não disse que bandas já experientes ficariam de fora. E já pensou se o festival só tivesse bandas iniciantes? Fala sério aí sim seria ruim pacas! Também acho que festival nenhum leva a banda pra frente (ajuda sim mas não é a chave do sucesso). Conheço bandas que tocaram no ABRIL PRO ROCK e dalí não passaram. O que vai fazer uma banda crescer de fato é ter uma gravadora reconhecida. E em Relação a Hugo Montarroyos acho que ele não tem o que escrever, deve estar sem inspiração para estar repetindo tanto a mesma coisa.

  13. mercia
    Posted 29 de outubro de 2007 at 9h41 | Permalink

    Eh meu filho, muda o disco!!!

  14. Posted 29 de outubro de 2007 at 9h47 | Permalink

    O principal, e acabou deixando de ser escrito, é que o festival é realizado com DINHEIRO PÚBLICO. Daí a relevância do assunto…

  15. Fred
    Posted 29 de outubro de 2007 at 10h04 | Permalink

    Na real nunca achei que tais seletivas fossem sérias… Sempre rola lance de conhecimento e peixada, toquei por muito tempo em uma banda de Hardcore que prefiro não citar o nome.

    apesar de termos feito bons shows fora de Pernambuco por várias vezes batemos na trave nesse tipo de seletiva… E na grande maioria das vezes eramos mafiados por conhecidos mesmo.

    O ínico do PE no Rock foi fantástico, as bandas locais estavam realmente numa fase boa, até as bandas que já tinham dado o que tinham pra dar (eletrosoul, river raid, coração tribal, cavalo do cão…) fizeram bons shows no festival…

  16. mercia
    Posted 29 de outubro de 2007 at 10h23 | Permalink

    hugo monta, vc tah muito preocupado filho, vai acabar tendo uma gastriste nervosa…hehehe
    vai arrumar uma lavagem de roupa, menino.

  17. fabiño
    Posted 29 de outubro de 2007 at 15h21 | Permalink

    Meu estimado Hugo
    Você por um acaso prestou atenção nos comentários sobre o PE no rock?
    aqui no site, no orkut, e nas ruas a galera ta pouco se lixando pra quem organiza ou se é dinheiro público
    quantos posts aqui tratam o assunto como uma questão de interesse geral? só querem saber se vai ter ou não, se vai ter roda (mosh-pit), se vai ter banda emo, e por ai segue.
    a galera ta nem ai pra o Baltar ou pra quem ta organizando agora , só quer um evento que ficou saudoso na cabeça de muita gente.
    mas se vc quer fazer uma denúncia, os programas policiais estão ai.

    eu até entendo seu raciocínio, mas dai a querer fazer uma investigação policial é uma tremenda falta do que fazer.

    é por causa de festivais “grandes” que~os pernambucanos ficaram mal ocostumados, afinal ver 20 bandas por 10 contos é uma maravilha, agora enquanto as mesmas bandas tentam sobreviver após esses festivais com shows pequenos e de 5 contos , ninguém quer ir. Dai eu te pergunto quem vai querer ter banda pra tomar prejuizo?

    pensem nisso!

  18. Pessoa assim ...
    Posted 1 de novembro de 2007 at 20h52 | Permalink

    Na verdade … Vcs saõ pessoas pouco criativas e não tem a capacidade moral e tecnica para enfrentar a montagem de um festival como esse ! Mas se tiver e acha que faz melhor … faça o PenoRock 2008 ! não… faz nada ! um bando de bunda mole que não tem o q fazer e fica falando mal dos outros… Esses papos aí parece novela (manoel carlos e tal …) vão todos para o festival .. vai ser legal, falem mal ou bem … mas todo mundo vai estar lá ! … na moral, deixa o cara trabalhar meu. Hugo parabéns meu velho, vc está fazendo seu trabalho ! Sávio meu filho, liga pra essa rapaziada não, faz o teu … é difícil fazer essa galera entender que não é simples agradar todo mundo ! parabéns por um festival Pernambucano ! esses negócio aki é ki o povo é um bando de desocupado e td mundo vai do mesmo jeito ! se fosse pago ia ter reclamação mas ia, é de graça então não presta !? ou acha que é sua obrigação agradar PE inteiro ! Liga não !
    Hugo vc é 10 ! Sávio vai trabalhar para o festival ficar ainda melhor do q vai ser !

  19. para: Pessoa assim ...
    Posted 1 de novembro de 2007 at 22h38 | Permalink

    Cara axo q vc tá certu ! esse pessoal gosta de dar pitacu na vida dus outros, qie a vida del é uma merda ! eles veem na pessoa, que tenta fazer as coisas e que trabalham por isso, os defeitos que ela mesmo tem ! então prontu ! é um merda recatado, sem vida ! eu ia de qualquer jeito: pago de graça /longe ou perto .. Pernambuco é foda cara. Nenhum estado tem isso de cultura forte não ! o que tem em todo cantu é gente metido a merda !

  20. Caramba
    Posted 1 de novembro de 2007 at 23h00 | Permalink

    Quanta Besteira ! Se eu fosse Hugo não ia ! Mas ele tem q ir, é o trabalho Dele ! qto ao antigo produtor… deixou pq !? Honesto !? Transparente !? ele existe mesmo !? vai rolar o Show!? claro q vai …

    Quem fala mal? parentes ou integrantes de bandas q não estão lá !? mora muito longe!? – Cara, vai que é 0800.

    Quem é Hugo Montarroios !? ele não gravou um cd instrumental de piano !? vi algo na tv sobre isso … ou era um aprente dele !?

    Quem é o atual organizador !? Sávio !? SaVia que o sáVio saVia assoViar !?

    Quem é o idiota que esta lendo isso !? mais um idiota que vai escrever mais besteira aqui em baixo !?

    Quem sou eu !? mais um Pernambucano que adora a CENA de PE e vai sim pro PenoRock.

    O que eu estou fazendo aki !? o mesmo q vc… sem nada o que fazer, escrevendo merda …

    Ops … axo melhor bisbilhotar a vida dos outros no orkut ! ja vou !

    Abraços e a gente se ve no Penorock !

    Vc vai !? ou vai ficar na internet escrevendo merda ou bisbilhotando a vida dos outros ! …Eita, eu faço isso !!!!!!!! (desculpa) errar é humano !

    +Ps: para quem está lendo o recado aki em baixo: Leia o meu aki em cima !

  21. Dr. Verde
    Posted 2 de novembro de 2007 at 14h24 | Permalink

    aqui so tem artista!

  22. Fabiño
    Posted 3 de novembro de 2007 at 12h43 | Permalink

    eu tbn quero ser famoso!!

  23. UM DOIS TRES DE OLIVEIRA QUATRO
    Posted 5 de novembro de 2007 at 20h07 | Permalink

    Minha gente, como vocês são disléxicos! Vocês não sabem interpretar o que lêem? Em nenhum momento Hugo fala mal do PE NO ROCK. Ele apenas critica construtivamente o evento pela desorganização que o mesmo se encontra. E de fato, o evento na gestão de Baltar era muito organizado.

    É realmente incrível a quantidade de pessoas que acessam esse site e postam coisas inúteis nos comentários. E ainda por cima, ficam fazendo propaganda de banda. E “mais pior” (sic) ainda é desrespeitar as outras pessoas que acessam esse site pra fazer, de uma maneira ou de outra, comentários aqui. A quantidade de lixo que aqui se encontra (o povo aqui diz que o site é um lixo… huhauhaua) é os comentários de uma galera alienada e DISLÉXICA!

  24. UM DOIS TRES DE OLIVEIRA QUATRO
    Posted 5 de novembro de 2007 at 20h11 | Permalink

    Oh, velho… Se as bandas dependessem de um só festival para mudarem de carreira, muita coisa seria diferente! O que muda vida de banda é tentar entrar em vários festivais e tentar tocar na mídia. Fazer vários shows.. enfim.. o povo aqui tem uma mente muito pequena….

  25. Dr. Verde
    Posted 6 de novembro de 2007 at 18h58 | Permalink

    é isso ai cara concordo!

  26. kct
    Posted 7 de novembro de 2007 at 7h58 | Permalink

    Oi Hugo, gosto muito das suas críticas, gostaria de dar uma sugestão para ”o tapa na orelha”, que tal para o recife rock, que não é nada democrático, nem todos podem colocar baners ai, seja de show ou divulgar seu cd, pois já ouvi de alguém dai, que é só para bandas que ele gosta ou de amigos.então as regras mudam de banda para banda. O que você acha.

  27. Guilherme Moura
    Posted 7 de novembro de 2007 at 9h00 | Permalink

    Oi kct,

    Realmente nós temos uma política meio restritiva em relação aos BANNERS PAGOS de shows na página principal. A gente não coloca banner de banda cover, jabazeira de banda grande de gravadora (e olha que sempre tem oferta) e nem lançamos, pelo selo RecifeRock!, EPs de bandas que não gostamos (sempre recebemos oferta$$$ pra lançar EPs de bandas Gospel tosquerrimas ou Emos bizarros. A idéia do nosso selo é lançarmos o que gostamos e que acreditamos ter qualidade).
    Imagina tua banda ser obrigada a tocar um cover de Calypso ou Jorge ‘Vacilo’. urghz!

    Se quiser colocar um BANNER PAGO de um show da sua banda é só mandar e-mail pra nós pedindo orçamento. Isso é sempre bem-vindo, já que os banners são a única fonte de renda do site.

    De graça e ‘democrático’ tem o espaço da agenda, mas estamos com uns bugs no código PHP que estão fudendo tudo. Não tá dando pra atualizar a agenda sempre, tem hora que essa peste não funciona nem com reza braba. Aih esbarramos na falta de grana pra contratar um novo programador pra refazer o site do zero.

    É isso… qq coisa manda e-mail. É só clicar em Contato na página principal.