Entrevista – Erro de Transmissão

Por Hugo Montarroyos em 9 de dezembro de 2007

Erro de Transmissão (divulgação)

Dando seqüência à série de entrevistas sobre o 2007 das bandas pernambucanas, conversei com uma das revelações do ano, a Erro de Tranmissão. Abaixo você confere a entrevista com o baixista Carlos, que faz um resumo de 2007 e fala das expectativas para 2008.

Como foi 2007 para a Erro de Transmissão? O que de melhor e pior aconteceu com a banda durante o ano?
O ano de 2007 pra a Erro De Transmissão, foi um ano decisivo, de mudanças e conquistas. Ensaiamos muito, gravamos o EP demo Relativirtudes (que nos ajudou a divulgar mais o som da banda), tocamos com bandas muito legais, que admiramos e curtimos (como The Honkers, Zefirina Bomba, Júlia Says…). Ainda rolou a troca de guitarrista no segundo semestre e a participação no Pátio do Rock 4.
A pior coisa que aconteceu foi a saída da Dani, nossa antiga guitarrista. Foi difícil, mas tanto nós quanto ela entendemos que a banda precisava crescer, e ela não podia acompanhar, principalmente por causa de tempo.
As duas melhores coisas que aconteceram foram: a entrada da Maíra e a participação no Pátio do Rock 4. Tínhamos essa meta, de participar de algum festival ainda esse ano e sermos ouvidos por uma boa galera. A repercussão e os elogios que recebemos depois foi o maior prêmio que poderíamos ganhar.

Quais são os planos para 2008?
Nossos planos para 2008 são bem abrangentes. Já que 2007 foi um ano apertado, onde todos precisaram muitas vezes abrir mão do tempo dedicado à banda por questões de estudo ou de trabalho, temos muita coisa pra fazer nesse próximo ano. Pretendemos gravar músicas inéditas com Maíra, nossa nova guitarrista, tocar no máximo de lugares que for possível, participar de eventos com um público legal (dentro ou fora de Recife), incrementar cada vez mais nosso som, e transmitir mais e mais Erro por todos os lugares!

Links:
www.myspace.com/errodetransmissao

7 Comments

  1. Nika
    Posted 9 de dezembro de 2007 at 21h29 | Permalink

    Essa banda ainda promete!

  2. herbert
    Posted 10 de dezembro de 2007 at 0h06 | Permalink

    é uma banda legal, mas não me impressiona em nada….

  3. Alcides Vespa - A&L
    Posted 10 de dezembro de 2007 at 11h59 | Permalink

    Aê galera da erro,que 2008 seja um ano realizações e oportunidades! Sucesso pra vcs e muito rock, abração.

  4. ed.2007 agora vai começar! heheheheh
    Posted 14 de dezembro de 2007 at 18h20 | Permalink

    É interessante como o mundo anda de maneira tão estúpida e sem sentido. No recife tem banda de tudo que é estilo, jeito, cor e credo rsrsr. Mas tem algo que me deixa put… por que? venhamos e covenhamos… A banda não é lá essas coisa.. A menina é até gostosa(Desculpa o machismo), mas nesse mundo tudo tem que ser belo, infelizmente. eu escutei o primeiro o segundo disco da banda e não gostei acho que falta muito, mas muito mesmo para ser uma banda de qualidade. temos que perder essa visão que ” É tá, o som é bom!” assim nunca iremos promover uma coisa grandiosa banda. Eles estão começando… tem muita coisa pra ser feita. Mas tem muita gente que ninguem dá valor que estão por aí em uma esquina qualquer.

    Carlos e bel Eu gosto do som gosto mais da baterista (ela toca bem). Mas precisa de muita coisa ainda pra ser chamada de “revelação”. portanto gente do reciferock, por favor! procure o que fazer e vão atrás de som, tenta encontrar algo fora do seu ambito de shows frustrantes e sem qualidade. Sei que montarroys pode ir muito mais além. blz?!

    valeu! Há sim, Ficou muito feio esse site!

  5. lembrei!
    Posted 14 de dezembro de 2007 at 18h23 | Permalink

    a baterista é mariana tem uma pegada boa!heheheehheehehehehe

  6. Alcides Vespa - A&L
    Posted 14 de dezembro de 2007 at 20h56 | Permalink

    A nova guitarrista segura a onda bem , já vi 2 shows.

  7. Posted 29 de dezembro de 2007 at 15h24 | Permalink

    Ola,essa banda tem um grande futuro e logo esta em todo o Brasil!Esperamos vcs em Salvador para uma parceria com a gente!Seria um grande prazer tocar com vcs!!!

    Abraços!