Baixe a Coletânea Recife Lo-fi Volume I

O Lançamento da Coletânea é hoje (sexta 05/02) no Quintal do Lima.

release:
Coletânea Recife Lo-fi Volume I
Esta é uma coletânea virtual que reúne o trabalho de músicos recifenses que realizam suas gravações de forma caseira, no quarto, em home studios de amigos (por preços módicos), e muitas vezes com equipamento improvisado. Sem dinheiro suficiente para gravar em estúdios profissionais, a decisão de gravar em casa abre possibilidades para uma sonoridade própria e uma liberdade que vem determinando uma nova forma de ouvir música; desde sua captação, passando pela produção, mixagem e finalização, criando um charme musical que apenas a “produção” lo-fi proporciona.

A Coletânea Recife Lo-fi Volume I trás 21 nomes da cena recifense que se renova a cada dia, caminhando por várias vertentes, tendo em comum o inconfundível sotaque musical, nas letras e nas melodias. Se por um lado esta cena se distancia temporalmente do Manifesto Mangue, por outro se cruzam intimamente através da geografia própria da cidade. Ideologicamente Recife pode ser ao mesmo tempo, o combustível e a mira destas canções através das relações humanas e culturais que se dão na cidade. De uma forma ou de outra elas pulsam o calor sonoro e imagético que apenas essa tradição musical pode proporcionar. Recife é a terra dos altos coqueiros, do “udigrudi”, da Rozenblit e do “faça você mesmo”. Assim, todos os artistas envolvidos participam de uma difusão cultural virtual e global, muito próxima de “uma antena parabólica enfiada na lama”. Não existe pós-mangue, deixemos isso aos desavisados, o que existe – e sempre existiu – é a música pernambucana em todas as suas variações. Esta coletânea é apenas um breve apanhado dessa produção, e fica longe de criar um plano preciso de tudo que aconteceu na cidade nesta última década. Por isso esse fica sendo o Volume I, o que abre possibilidades para edições futuras.
Esperamos que, ao fazer download desta coletânea, o ouvinte tenha acesso ao que de mais interessante vem sendo produzido dentro dos quartos e home studios de Recife. Este é um projeto conjunto entre todos os artistas participantes, idealizado pelo músico Zeca Viana, com o apoio do Recife Rock, Coquetel Molotov, TramaVirtual, Revista O Grito e Agência Alavanca.

Mas, finalmente, o que é lo-fi?
Lo-fi é um estilo de produção musical que usa técnicas de gravação de baixa fidelidade (low fidelity). Sua aplicação normalmente é causada por limitações financeiras do artista. No início, muitos artistas usavam gravadores baratos de fita cassete para registrar suas músicas. Com o advento da tecnologia o uso de computadores caseiros e gravadores digitais se tornaram o meio mais popular para a realização dessas produções. O termo foi cunhado por um DJ que dedicou meia hora de seu programa numa rádio para gravações caseiras ao longo do final da década de 1980 sob o nome Lo-fi.

Onde fazer o download?
A Coletânea Recife Lo-fi Volume I estará disponível para download a partir do dia 25 de janeiro no blog http://www.recifelofi.blogspot.com , no http://www.reciferock.com.br e no http://www.tramavirtual.com.br

Recife Lo-fi A Festa
Com tanta produção nada melhor do que uma festa de lançamento com os artistas participantes tocando ao vivo. Assim será realizada a Festa de lançamento da Coletânea Recife Lo-fi Volume I.

Festa Recife Lo-fi | Lançamento da Coletânea Recife Lo-fi Volume I
Shows com Gleisson Jones, Julia Says, Zeca Viana e Ex-Exus
e ainda participações especiais dos artistas da coletânea.
Djs D Mingus, Vivi Menezes, Mucuri, Jarmeson de Lima (Coquetel Molotov)
Data: Sexta-feira – 5 de fevereiro – 21h
Local: Quintal do Lima, Rua Capitão Lima, 100
Entrada: 5 reais
Mais informações: recifelofi@gmail.com

Coletânea Recife Lo-Fi Volume 1: Ficha Técnica

1. Gigantesco Narval Elétrico | Despenugem (2:39)
2. Jean Nicholas  | O Que o Vento Sopra (2:34)
3. Johnny Hooker & CRC | Johnny Hooker (3:24)
4. Jalu Maranhão | Só Nietzsche Explica (acadêmico frustrado) (4:17)
5. Victor Toscano | Não Te Vejo em Meus Discos (3:34)
6. Matheus Mota  | Do Outro Lado do Lodo (3:00)
7. Lina Jamir  | Terra Gira (3:07)
8. Canivetes | Se o Meu Legal Te Faz Mal (4:38)
9. Geladeira Metal |Desliguei o Computador (00:54)
10. Julia Says | Intro Mental (3:53)
11. Zeca Viana | Pra Lá de Marrakesh (2:58)
12. D Mingus | Flores do Teu Mal (2:35)
13. Lulina | Birigui (3:03)
14. Milla Bigio | Tem Dudu de Que (1:24)
15. Tagore Suassuna | Crença (2:05)
16. Bruno Souto | Próxima Estação (DEMO) (4:08)
17. Rama | Novo Horizonte (3:06)
18. Mantra X | Verdades em Flores (2:41)
19. Ex-Exus | A Culpa é Minha e Boto em Quem Eu Quiser (2:31)
20. Gleisson Jones | Joinha, Joinha (2:27)
21. Allen Jerônimo & A Rave de Raiz | Positivo e Negativo (3:59)

6 comments

  1. É LO-FI PRA GALERA

  2. olá!

    aqui em fortaleza, gostamos muito dessa ideia da coletânea virtual.

    postei esse texto (muito bem escrito, diga-se de passagem) no site http://www.tembiu.pro.br. inclusive, o site reúne cerca de 30 mil pessoas que colaboram na criação de conteúdos ligados à cultura, educação e movimentos sociais do CE e outras regiões. fica disponível para eventuais postagens de movimentos com esse do RECIFE LO-FI.

    parabéns!

    abraço,
    rodrigo

  3. Muito bacana a iniciativa… gente com vontade de trabalhar e fazendo a história acontecer.

  4. sgt peppers lonely recife`s club