Reveillon Ducapibaribe: Novo lugar, promoção e perguntas mais freqüentes

Reveillon DuCapibaribe

A produção do Réveillon DuCapibaribe divulgou, ontem a noite, a mudança do lugar da festa: “Galera, nosso Réveillon DuCapibaribe, uma das festas mais concorridas desse fim de ano, que iria acontecer entre o Paço Alfândega e o rio que batiza o evento, será agora no antigo Circo Maluco Beleza (nas Graças, por trás do Bugaloo). O espaço, onde aconteceu o 1º memorável “Abril pro Rock”, oferece uma estrutura ainda melhor para a realização dos shows da Nação Zumbi, Móveis Coloniais de Acaju, Del Rey e o DJ 440.”

Outra boa notícia é a promoção no preço dos ingressos. Os ingressos estão sendo vendidos pelo site de compras coletivas OffShop por R$35: “36% OFF no ingresso do Reveillón DuCapibaribe! De R$ 55,00 por apenas R$ 35,00!” aqui http://bit.ly/foMGdj

Pra fechar e  facilitar: a produção montou um “Perguntas mais freqüentes sobre o Reveillon Ducapibaribe” no Facebook:

Quais as atrações?
Shows da Nação Zumbi, Móveis Coloniais de Acaju, Del Rey e o DJ 440. Infraestrutura completa com segurança, banheiros e praça de alimentação.

Quanto custa?
Promocional primeiro lote por R$ 50 até 15.12. Bebidas por fora, mas com preços legais.

Onde compro os ingressos?
Nas lojas Chilli Beans e Avesso. As mesas só são vendidas na Avesso e custam R$ 500 para quatro pessoas com direito a uma garrafa de uísque (que pode ser trocada por vodka ou champagne).

Onde ficam as mesas, quanto custam e o que posso levar?
A mesa está custando R$ 500,00 para quatro pessoas com direito a um litro de uísque.
As mesas ficam numa área reservada com posição privilegiada para o palco. Você poderá levar para a mesa a sua tábua de frios ou comidas típicas da virada do ano como, por exemplo, lentilha, romã…. As mesas só estão sendo vendidas na Avesso da Rui Barbosa e serão apenas 100 mesas. um mapa onde você poderá se situar melhor sobre a localização das mesas.

Se eu quiser levar mais alguém para minha mesa?
Só serão vendidas mais duas senhas por mesa. Ao custo de R$ 125 cada uma.

Posso comprar os ingressos no cartão?
Infelizmente não temos como receber pelo cartão.

A que horas começa a festa?
O nosso réveillon começa a partir das 22h com o DJ 440. A expectativa é de que a Del Rey esteja no palco na hora da virada.

Como vai funcionar a praça da alimentação?
Teremos um espaço gourmet no réveillon. Vamos ter quiosques vendendo sushis e temakis, pizzas, sanduíches e coxinha. Não teremos ceia ou mesa de frios disponíveis no local.

Tem alguma central para tirar dúvidas por telefone?
Sim, temos. É o 3207.5454.

Será que é a melhor opção pro meu reveillon?
E você ainda tem alguma dúvida? Claro que sim. E muito. É o melhor réveillon da cidade. As melhores atrações. É Nação, Móveis, Del Rey e 440. Não é pouca coisa não. A melhor infra. Você vai começar o ano muitíssimo bem.

Posted quinta-feira, dezembro 16th, 2010 under Notícias.

8 comments

  1. Boa notícia??! Como assim?
    Quero meu dinheiro de volta, isso sim!!

  2. jose brasileiro says:

    putz…. a melhor coisa da festa era justamente a localizaçao, pq as bandas vira e mexe tocam por aqui !!!,
    quero ir mais nao tambem !!!

  3. então tá!

  4. a intençao dessa festinha de fim de ano é agrupar um monte de playboys adolecentes bêbados batendo palminha e gritando urrruuuuuu num recinto calorento de uma festa que seria a mais descolada de 2010 mas com a mudança de endereço a coisa ficou meio esquisita, há outras opções na cidade e ficar enfurnado num lugar sem vista nenhuma vendo neguinho tirando onde de star da música da fundarpe realmente não vai dar para mim não!

  5. Star da música da Fundarpe. hauuauauauauaua
    É o China! hehehhehe
    Realmente, perdeu a graça. Nem a Nação – que anda devagar quase parando. Cadê o DVD do Marco Zero? – salva essa festa.
    Seria melhor cancelar.

  6. Pegou não coração. Melhor então é ver Martinho da Vila recebendo as energias positivas de BV.

  7. Daniel Figueiredo says:

    todo mundo tá reclamando, mas isso, pelo que eu saiba, não é culpa da produção, e sim da prefeitura, que barrou algumas festas festas na rua, como essa e o reveillon da praça de casa forte, por exemplo.